Love não agita polêmica sobre artilharia

O atacante Vágner Love passou o dia desta segunda-feira sem alimentar polêmica sobre a meta de atingir a artilharia do Campeonato Paulista. De folga, nem mesmo a mãe, Jaira, conseguiu falar com o jogador. O assessor de imprensa do centroavante, Cláudio Farina, idem. "Mas se o conheço bem, não está nem aí. Não quer saber de polêmica", afirmou.Vágner, no entanto, tem alguns motivos para estabelecer uma meta que pode ser considerada ambiciosa para quem disputa o Campeonato Paulista pela primeira vez. "O mais importante é o Palmeiras, mas vou continuar tentando fazer os gols e ir em busca da artilharia", disse o jogador após a partida. Desde as categorias de base, o atacante costuma ter desempenho destacado nas competições que participa. Em 2002, foi o artilheiro do Campeonato Paulista de Juniores, com 31 gols e, com certa facilidade, sempre manteve média próxima ou superior a um gol por partida em outros torneios.Na Série B do Campeonato Brasileiro, primeira competição como profissional, Vágner foi o maior goleador - marcou 19 vezes em 30 jogos, média de 0,63 por partida. Como o Palmeiras fez 80 gols na Segunda Divisão, cerca de um em cada quatro gols do time na competição foi de Vágner, o que não é desprezível ser for considerado o fato de o jogador ser um estreante atuando contra defesas experientes e ?duras?.Lamento - Nesta terça-feira, o time deve voltar ao trabalho com o objetivo de não perder o pique, uma vez que terá folga forçada pela tabela do Campeonato Paulista e pela classificação antecipada na Copa do Brasil. Serão 13 dias longe dos gramados - a volta será dia 21 contra o São Caetano. "Seria importante manter a seqüência", observou Picerni.Ele admite que deve usar o tempo livre para aprimorar o time, que apesar da goleada sobre o Guarani por 4 a 1, ainda apresentou falhas. Ao comentar o gol de empate adversário após a partida, fez uma observação crítica com relação à equipe. "Ainda não aprendemos esse negócio de administrar o 1 a 0." Até por este motivo, o treinador já programou um amistoso contra um time japonês no sábado e um jogo-treino para a semana seguinte.Alívio - A boa notícia veio do goleiro Marcos. Domingo, o jogador se mostrou preocupado com uma contusão que sofreu em um dos dedos da mão durante o jogo contra o Guarani - que o obrigou, inclusive, a tomar analgésicos no intervalo. Nesta segunda-feira, no entanto, o jogador já confirmou que está tudo bem e a lesão não preocupa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.