J F Diório/AE - 05/05/2010
J F Diório/AE - 05/05/2010

Love tentará 'amolecer' russos para seguir no Flamengo

Atacante conversará com CSKA Moscou para prorrogar contrato de empréstimo, que encerra dia 10 de julho

AE, Agência Estado

22 de junho de 2010 | 15h47

O atacante Vágner Love afirmou nesta terça-feira, após treino do Flamengo, que tentará usar o seu poder de convencimento e os seus argumentos para convencer o CSKA Moscou, da Rússia, a liberá-lo para seguir defendendo a equipe carioca na sequência desta temporada.

Com os seus direitos federativos ligados ao clube russo, o jogador espera que possa prorrogar o vínculo do seu contrato de empréstimo com o Flamengo, que se encerra no próximo dia 10 de julho. Apesar do desejo, ele admite que não será fácil alcançar o seu objetivo.

"Todo mundo sabe da minha vontade de ficar aqui. Estou muito feliz e quero seguir no Flamengo. Sabemos que os russos têm o coração duro, mas vamos tentar amolecê-los. Existe a esperança, existe a vontade e vamos ver o que acontece", afirmou Vágner Love, em entrevista coletiva.

O jogador também ressaltou que está ansioso para ver a sua situação resolvida o mais rápido possível, já que o Flamengo vive um período de treinos visando a preparação para a retomada do Campeonato Brasileiro, paralisado por causa da disputa da Copa do Mundo, e tem o interesse de seguir com o atleta em seu elenco.

"Estou aguardando ansioso para que haja uma definição. Estou pedindo a Deus para que isso tudo se resolva. Quero que essa situação seja decidida logo para eu poder ter a cabeça tranquila para trabalhar", ressaltou o atacante, que marcou 23 gols em 26 jogos pelo Flamengo neste ano, além de ter dado sete assistências que resultaram em gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.