Luan comemora rápida recuperação no Atético-MG

Um dos primeiros jogadores contratados pelo Atlético Mineiro após o Campeonato Brasileiro, o atacante Luan precisou se superar para estrear na última quarta-feira, na vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo pela Copa Libertadores. O jogador ficou sem férias para tratar de uma pubalgia e evitou o risco de ser operado. Assim, comemorou a estreia, que ocorreu antes da previsão inicial, como um triunfo pessoal.

AE, Agência Estado

15 de fevereiro de 2013 | 15h52

"Eu estava treinando muito forte na fisioterapia com o Frank e o Guilherme, tinha a esperança de voltar o mais rápido possível e aconteceu. O professor optou por me levar para o banco, me usou no jogo e pude ajudar a equipe da melhor forma. Estou feliz pela vitória do time e isso é o que importa", disse.

Luan também reconheceu ser especial ter estreado no Atlético-MG na Libertadores, torneio que o time não disputava desde 2000. "Emoção total ver a torcida do Galo lotar o estádio, eu nunca tinha jogado dessa maneira. O carinho que o torcedor teve por mim. Nunca passou pela minha cabeça estrear na Libertadores, mas eu tinha fé porque estava trabalhando forte e você tem que estar sempre preparado quando o treinador precisar. Mas já passou e, agora, é mentalizar o jogo de domingo para vencer também", afirmou.

Feliz, Luan avaliou que ainda pode melhorar no Atlético-MG, principalmente quando aumentar o entrosamento com o restante do time. "A importância é muito grande de vencer diante da nossa torcida, uma equipe muito forte que é o São Paulo e começar com o pé direito essa competição. Fiquei feliz pela minha estreia e, agora, é trabalhar bastante para me entrosar cada vez mais com a equipe e estar à disposição do treinador para quando ele precisar", disse.

Aos 22 anos, Luan atua no primeiro clube grande da sua carreira e sonha em fazer história no Atlético-MG. "Jogar ao lado de grandes jogadores, que tiveram carreira brilhante na seleção, campeões do mundo, é muito bom para o seu currículo, mas vim para o Galo para ganhar títulos e vou insistir nisso. A equipe está forte, se reforçou, vieram grandes jogadores com o objetivo de dar títulos para o Atlético e a gente vai em busca disso", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético-MGLuan

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.