Marcelo Sadio/ Divulgação
Marcelo Sadio/ Divulgação

Luan vê Vasco mais forte do que no primeiro clássico com o Fla

'Temos em mente o que representa esse jogo', afirma o zagueiro

Estadão Conteúdo

18 de março de 2015 | 15h05

Líder do Campeonato Carioca e em um momento de alta na temporada, o Vasco viveu um começo de ano bem diferente, sendo, inclusive, derrotado pelo rival Flamengo, na Arena Amazônia, pelo Torneio Super Series. Às vésperas de encarar o oponente mais uma vez, agora pela competição estadual, no próximo domingo, no Maracanã. O zagueiro Luan afirmou que o momento da equipe é bem diferente, destacando a atual série invicta.

"Aquele momento era uma fase de treinos. O jogo contra o Flamengo foi o primeiro da temporada. Agora é uma partida do Campeonato Carioca e o time vem criando corpo. Estamos há 10 rodadas invictos", comentou, apontando o técnico Doriva como principal responsável pela boa fase do time.

"Antes do Doriva ser um excelente treinador, é um grande homem. Pessoa educada, que consegue manter o grupo tranquilo e focado no trabalho. Nunca escutei ele dizer um palavrão. Sabe pedir e cobrar do elenco com educação. E nós mesmos nos cobramos, mas sem perder o respeito um pelo outro", disse.

Luan garantiu também que o elenco do Vasco sabe que o clássico com o Flamengo é especial para o torcedor do time. Por isso, prometeu que não faltará empenho aos jogadores na tentativa de superar o rival.

"Nós temos em mente que o que significa este jogo. Mas não será o último da competição. É mais uma etapa importante no Carioca. Todo mundo quer vencer um confronto como esse. Vamos respeitar o adversário como fazemos com todos os times. O nosso grupo sabe do peso do clube e torcida que representa. Sabemos que temos que ganhar clássicos e sermos campeões sempre", analisou.

Enquanto o Vasco tem a semana toda para treinar visando o clássico, o Flamengo está em duas frentes, pois nesta quarta-feira encara o Brasil de Pelotas, no Maracanã, pela primeira fase da Copa do Brasil. No entanto, Luan negou que a situação deixará o seu time em vantagem.

"Eles têm um compromisso hoje a noite, mas não creio que isso mude algo para a partida, pois as duas equipes terão tempo para descansar. Acho que os dois times chegarão inteiros para domingo", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.