Luca Toni marca e Verona vence primeira no Italiano

O Verona contou com a ajuda de um velho conhecido da torcida para conseguir sua primeira vitória no Campeonato Italiano. Campeão mundial com a Itália em 2006, o veterano Luca Toni, de 37 anos, deixou sua marca de pênalti e contribuiu com o triunfo desta segunda-feira sobre o Palermo por 2 a 1, em casa, pela segunda rodada.

Estadão Conteúdo

15 Setembro 2014 | 18h25

O resultado levou o Verona ao sétimo lugar da tabela, com quatro pontos. Na próxima rodada, domingo que vem, a equipe tenta manter o embalo diante do Torino, fora de casa. Já o Palermo segue com um ponto ganho, na 14.ª posição, e voltará a campo para pegar a Inter de Milão, também no domingo.

Para alcançar a vitória nesta segunda, o Verona teve que superar o início de jogo superior do adversário, que saiu na frente aos 18 minutos, quando Vázquez aproveitou rebote do goleiro brasileiro Rafael, após bela jogada pela direita, e tocou para a rede.

Mas ainda no primeiro tempo, aos 40 minutos, Luca Toni cobrou pênalti com categoria, no canto direito do goleiro, e deixou tudo igual. O jogo estava equilibrado na etapa final quando saiu o segundo dos mandantes, em lance confuso. Aos 32, Pisano tentou cortar lançamento longo, mas acabou dividindo com o goleiro. Ainda tentou evitar o gol, mas se atrapalhou com um jogador adversário e a bola ultrapassou a linha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.