Thomas Samson/AFP
Thomas Samson/AFP

Lucas e Ibrahimovic marcam, PSG goleia e abre 13 pontos na ponta

Time da capital francesa faz 5 a 0 no Toulouse e soma 35 pontos

Estadão Conteúdo

07 Novembro 2015 | 16h45

Se no meio de semana o Paris Saint-Germain sofreu sua primeira derrota na temporada, diante do Real Madrid, pela Liga dos Campeões da Europa, neste sábado o time voltou à rotina de vitórias no Campeonato Francês, goleou o Toulouse por 5 a 0 e abriu 13 pontos na liderança do torneio.

Com o resultado, o time da capital francesa foi a 35 pontos, contra 22 do Lyon, que ainda não entrou em campo pela 13.ª rodada. O Toulouse, por sua vez, parou nos nove pontos, em penúltimo lugar.

O sueco Zlatan Ibrahimovic fez dois gols e se tornou o artilheiro isolado da competição, com nove. O brasileiro Lucas, que entrou no decorrer da partida, também deixou o seu.

O JOGO

O massacre do líder isolado sobre o vice-lanterna do Francês teve início logo aos seis minutos de partida. Di María cobrou falta da intermediária, ninguém desviou e a bola foi parar no fundo das redes.

A superioridade era tanta, que o PSG chegou ao segundo gol com Ibrahimovic aos 17 minutos, após perder duas boas chances de ampliar. O sueco recebeu cruzamento da direita e cabeceou errado, mas contou com a ajuda do zagueiro que mandou a bola de volta para o artilheiro, que dessa vez não perdoou.

Na segunda etapa, aos 18 minutos, Lucas entrou no lugar do uruguaio Cavani, que tem sete gols no Francês e deixou o campo insatisfeito com a substituição. Alheio à situação do companheiro de equipe, o brasileiro logo mostrou serviço. Em seu primeiro lance, arrancou pelo meio, abriu o jogo para a direita e apareceu para cabecear no contrapé do goleiro: 3 a 0.

Bem em campo, Lucas fez nova boa jogada, que resultou em gol de Ibrahimovic aos 29 minutos. O atacante arrancou pelo meio, driblou dois marcadores e chutou forte. O goleiro adversário defendeu com dificuldades, deu rebote para o meio da área e o sueco soltou o pé para marcar o quarto.

Aos 34, Lavezzi apareceu para dar números finais ao marcador. O argentino recebeu lançamento de Ibrahimovic na grande área, contou com falha do zagueiro e não teve dificuldades para vencer o goleiro adversário, definindo a vitória por 5 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.