Franck Fife/AFP
Franck Fife/AFP

Lucas elogia estrutura do Tottenham e diz que fará 'grandes coisas' no novo clube

Brasileiro se transfere para time inglês após ficar com pouco espaço no PSG

Estadão Conteúdo

31 Janeiro 2018 | 18h20

Novo reforço do Tottenham, da Inglaterra, o meia brasileiro Lucas expressou toda a sua felicidade em deixar o Paris Saint-Germain, onde teve pouco espaço especialmente na atual temporada, e acertar com o clube inglês até 2023. "Estou muito feliz", disse o novo camisa 27 do time londrino. "É um novo capítulo da minha vida, um novo desafio para mim. Juntei-me a um grande clube com grandes jogadores e espero poder jogar e ajudar o time".

+ Neymar se defende depois de críticas por gesto com adversário

+ Jogador mais caro da história do clube, Aubameyang é oficializado pelo Arsenal

O meia-atacante de 25 anos, que poderá atuar no mata-mata da Liga dos Campeões da Europa por não ter jogado pelo Paris Saint-Germain, elogiou a estrutura do Tottenham e projetou grandes conquistas com a camisa do novo time.

"É incrível, nunca vi um centro de treinamento como esse. O novo estádio também - estou tão animado. Tudo é perfeito. Tenho certeza de que faremos grandes coisas juntos", disse o brasileiro, que perdeu espaço no Paris Saint-Germain principalmente depois das chegadas do compatriota Neymar e do francês Mbappé.

Com propostas de outros clubes europeus, Lucas reencontrará no Tottenham o lateral-direito Serge Aurier, seu ex-companheiro de Paris Saint-Germain, que o aconselhou a vir para o time de Londres. "Serge disse muitas coisas boas sobre o clube, sobre o treinador e sobre torcedores", revelou o brasileiro.

Lucas despontou para o futebol no São Paulo, onde estreou como profissional no início dos anos 2010. Foi campeão da Copa Sul-Americana em 2012 antes de ir para o Paris Saint-Germain no ano seguinte. Pela seleção brasileira conquistou a medalha olímpica de prata em 2012 e a Copa das Confederações em 2013. No time parisiense, o brasileiro oscilou bastante entre a reserva e a titularidade e venceu quatro edições do Campeonato Francês, três da Copa da França, quatro da Copa da Liga Francesa e cinco da Supercopa da França.

Mesmo sem conseguir firmar em pouco mais de cinco temporadas na França, Lucas marcou 46 gols e deu mais 50 assistências em 229 jogos pelo Paris Saint-Germain.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.