Helvio Romero/Estadão
Helvio Romero/Estadão

Lucas Farias encara 'maratona' para estrear no São Paulo contra a Ponte

Lateral de apenas 18 anos jogou pela base e pelo time principal em apenas um fim de semana

AE, Agência Estado

26 de novembro de 2012 | 14h25

SÃO PAULO - Depois que Lucas, Ademilson e Casemiro foram promovidos, o São Paulo passou a ter problemas nas categorias de base. Os jogadores seguintes a subir ao profissional tiveram pouco espaço e os resultados de Cotia passaram a ser ruins. Por isso, a diretoria contratou mais de 10 jogadores visando a Copa São Paulo do ano que vem e o time principal tem cedido seus jogadores mais jovens para o elenco sub-20.

A busca por resultados nas categorias de base é tanta que, mesmo relacionados para jogarem no último domingo, pelo time principal, no Brasileirão, em Campinas, três garotos foram titulares do sub-20, pelo Paulistão da categoria, no sábado à tarde, em Cotia. O jogo contra o Red Bull valia vaga na final do torneio e a vitória de 2 a 0 garantiu o São Paulo na decisão.

Por conta disso, Lucas Farias viveu uma situação curiosa. Ele jogou 90 minutos no sábado à tarde e voltou a campo 24 horas depois, no segundo tempo da partida contra a Ponte Preta. O lateral-direito de 18 anos, assim, estreou como profissional, mesmo cansado. E ele comemorou a chance.

"Foi uma emoção muito grande, espero que seja o primeiro de muitos. Atleta de alto nível tem de estar preparado para tudo e é isso que estou fazendo. Foi fruto do meu trabalho e fui premiado", comentou o garoto, que atuou improvisado na ala esquerda em Campinas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.