Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Lucas Lima diz que Santos jogou muito recuado, mas comemora ponto fora

Alvinegro volta de Porto Alegre com empate diante do Grêmio, por 1 a 1

Estadão Conteúdo

30 de julho de 2017 | 21h38

O meia Lucas Lima admitiu que o Santos recuou demais no duelo contra o Grêmio neste domingo, mas gostou do empate por 1 a 1 em Porto Alegre. O resultado manteve o time paulista na terceira colocação, com 31 pontos, a dois de distância da equipe gaúcha e a dez do líder Corinthians.

"A gente veio muito recuado, mas tivemos dificuldade na marcação. Eu, particularmente, joguei muito atrás. Mas é isso, tentamos nos adaptar ao jogo deles. E o ponto pode ser importante lá na frente", analisou o jogador em entrevista ao Sportv após o término da partida.

Apesar de ser pressionado o jogo inteiro, o Santos conseguiu sair na frente do marcador com um gol de David Braz aos 44 minutos do primeiro tempo. No entanto, dois minutos mais tarde sofreu o gol de empate marcado por Fernandinho.

O segundo tempo foi mais pegado, com jogadas violentas e bastante discussão entre os jogadores. O árbitro precisou dar dez minutos de acréscimo por causa das seguidas paralisações com faltas ou trocas de farpas entre os adversários. Após o apito final, houve empurra-empurra.

O técnico Levir Culpi não gostou do tempo extra dado na etapa final e ironizou a atuação da arbitragem. Da entrada do vestiário, comentou rapidamente com os jornalistas: "Sairei rápido antes que ele dê mais um minuto".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.