Martin Divisek/EFE
Martin Divisek/EFE

Lucas Paquetá marca, Lyon busca incrível virada em Praga e lidera na Liga Europa

Vindo da reserva, brasileiro já havia sido decisivo na vitória por 2 a 0 sobre o Mônaco

Redação, Estadão Conteúdo

21 de outubro de 2021 | 18h34

Lucas Paquetá caiu nas graças do técnico Tite e vem sendo o principal armador da seleção brasileira. Já no Lyon, perdeu a posição nos últimos dois jogos. Vindo da reserva, acabou decisivo em ambos. Depois de bela apresentação jogando apenas 25 minutos e conduzindo o time francês à vitória por 2 a 0 sobre o Mônaco, participando dos lances dos dois gols, nesta quinta-feira mais uma vez saiu do banco para garantir um importante triunfo. Depois de sair atrás com 2 a 0 contra em Praga, o Lyon, com um gol do camisa 10, virou para 4 a 3 sobre o Sparta. Com 100% de aproveitamento, o Lyon lidera o Grupo A da Liga Europa.

Com dois gols de Lukas Haraslin em menos de 20 minutos, o Sparta estava subindo para os sete pontos e ultrapassando o Lyon, com seis, no confronto direto pelo topo da chave. Pouco antes do intervalo, contudo, Ekambi diminuiu para os franceses, deixando o embate aberto.

Assim como fizera diante de Mônaco, o técnico Peter Bosz novamente apelou para Lucas Paquetá em momento de aperto. Lançou o brasileiro mais cedo desta vez, já na volta para o segundo tempo. Com oito minutos, Aouar empatou, já devolvendo o Lyon à liderança.

Mas os franceses queriam mais. E veio a grande jogada da partida. Ataque pela esquerda, tabela e invertida de jogo para Lucas Paquetá. O brasileiro bateu de chapa, de pé esquerdo, e mandou no ângulo. Em vantagem, o Lyon perdeu um jogador logo depois, com a expulsão do lateral Gusto.

Mesmo assim, ampliou, com novo gol de Ekambi. Krejci ainda descontou no último lance, mas a vitória francesa e a manutenção dos 100% já estava definida. Na mesma chave, o Rangers somou seus primeiros pontos com 2 a 0 no Broendby.

O Napoli é outro que desencantou. O time italiano somou sua primeira vitória na Liga Europa com arrasador segundo tempo diante do líder Legia Varsóvia. Fez 3 a 0 com Insigne, Osimhem e Politano, subindo para segundo, com quatro pontos. O time da Polônia segue na frente, com 6.

Confira os demais resultados desta quinta-feira: PSV 1 x 2 Mônaco e Sturm Graz 0 x 1 Real Sociedad (Grupo B); Fenerbahçe 2 x 2 Real Antuérpia e Einthacht Frankfurt 3 x 1 Olympiacos (Grupo D); Lazio 0 x 0 Olympique de Marselha e Lokomotiv Moscou 0 x 1 Galatasaray (Grupo E); Midtjylland 1 x 1 Crvena Zvezda e Ludogorets 0 x 1 Braga (Grupo F); Betis 1 x 1 Bayer Leverkusen (Grupo G); Rapid Viena 2 x 1 Dínamo Zagreb e West Ham 3 x 0 Genk (Grupo H).

ROMA ATROPELADA

José Mourinho sofreu sua pior derrota na carreira nesta quinta-feira. Pela Liga Conferência, a Roma foi até a Noruega para enfrentar o modesto Bodo Glimt e levou 6 a 1. Pela primeira vez na carreira, com mais de 1000 jogos disputados, o treinador português levou seis gols em uma partida. O Tottenham também perdeu na competição, ao levar 1 a 0 do Vitesse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.