Twitter / Corinthians
Twitter / Corinthians

Lucas Piton estreia no Corinthians com assistência e relembra avô falecido

Familiar do lateral-esquerdo de 19 anos morreu há uma semana, antes dele atuar como jogador profissional

Dani Arruda, especial para a AE, Estadão Conteúdo

09 de dezembro de 2019 | 11h00

O lateral-esquerdo Lucas Piton, de 19 anos, comemorou a sua estreia no time profissional do Corinthians na derrota para o Fluminense por 2 a 1, neste domingo, na Arena Corinthians, em São Paulo, pela 38.ª e última rodada do Campeonato Brasileiro. O garoto entrou em campo no intervalo, no lugar de Carlos Augusto, que sentia dores no joelho, e deu uma assistência para o gol de Gustavo.

"Estou muito feliz pela estreia. A expectativa era grande, vinha esperando por este momento na minha carreira há muito tempo. Jogar com essa torcida é contagiante, nos dá força para poder ganhar todos os jogos", disse Lucas Piton.

O jogador ainda lembrou com tristeza do falecimento do avô, ocorrida há uma semana. O ascendente aguardava com ansiedade a estreia do neto no time profissional do Corinthians.

"Há uma semana meu avô morreu. Ele falava sempre que queria me ver no time profissional. Uma semana depois que ele morreu consegui estrear. Tenho certeza que ele está lá em cima vendo tudo isso", completou, emocionado.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em se levantar sempre depois de cada queda. @a.afotos

Uma publicação compartilhada por Lucas Piton (@lucaspiton_) em

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.