Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians

Lucas Piton passa por cirurgia e volta ao Corinthians em seis semanas

Lateral-esquerdo é reserva da equipe após perder a posição para Fábio Santos

Redação, Estadão Conteúdo

13 de janeiro de 2021 | 17h06

Foi um sucesso a cirurgia de hérnia inguinal do lateral-esquerdo Lucas Piton nesta quarta-feira. O jogador do Corinthians passou pelo procedimento no Hospital São Luiz, do Morumbi, e ficará afastado por até seis semanas.

O jogador receberá alta nos próximos dias e ficará em repouso em casa. Com o período estipulado de até 45 dias para retornar aos trabalhos, o lateral-esquerdo não deve mais atuar neste Brasileirão. A última rodada está prevista para o dia 24 de fevereiro.

Gerada por causa do excesso de esforço físico na região do abdômen, a hérnia inguinal é uma moléstia que ocasiona lesões musculares e provoca desconforto nos jogadores.

Piton perdeu a posição na lateral-esquerda com a chegada de Fábio Santos, mas vinha sendo aproveitado por Vagner Mancini no decorrer dos jogos como um "falso" ponta, se revezando com o atual titular.

Agora o treinador torce para não ficar sem Fábio Santos, pois não conta com reservas para a posição após a saída de Sidcley, a venda de Carlos e a grave contusão de Danilo Avelar.

Em caso de lesão ou suspensão de Fábio Santos, a primeira opção de Mancini, que teria de improvisar no setor, será o jovem zagueiro Raul Gustavo, ainda aguardando uma oportunidade para estrear e que já está sendo utilizado nos treinos como lateral no time reserva.

Tudo o que sabemos sobre:
Corinthiansfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.