Angel Drummond / Cruzeiro
Angel Drummond / Cruzeiro

Lucas Silva vê concorrência crescer, mas diz que pode retomar espaço no Cruzeiro

Volante diz que time mineiro tem grande expectativa para Libertadores, mas não irá esquecer outros campeonatos

Estadão Conteúdo

15 Janeiro 2018 | 12h54

Uma das grandes revelações do Cruzeiro nos últimos anos, Lucas Silva foi negociado para o Real Madrid em 2015, mas caiu de rendimento, retornou ao clube no início de 2017 e ficou constantemente na reserva. O cenário, contudo, pode mudar na nova temporada, segundo garantiu o próprio volante nesta segunda-feira.

Cruzeiro altera programação e dá folga ao elenco neste domingo

+ Edílson vê 'desafio' no Cruzeiro e explica saída do Grêmio: 'Não quis estacionar'

Embora avalie que a concorrência no setor tenha aumentado, especialmente com a chegada de Bruno Silva, o volante ponderou que finalmente está realizando uma pré-temporada completa. Garantiu, assim, que terá melhores condições para retomar o bom futebol.

"Minha expectativa para 2018 é grande, e a principal é de fazer a pré-temporada, algo que não fazia há dois anos. Vejo um início bem diferente. Faz total diferença quando se faz essa preparação bem feita, parte física, de força", avaliou.

Sobre a maior concorrência no setor, Lucas Silva contou que Mano Menezes analisará apenas o trabalho do dia a dia para definir os titulares. "Vejo que, no setor do meio-campo, há uma maior concorrência, grandes jogadores, principalmente os volantes. No início do ano, em conversa com o Mano, ele deixou claro que a escolha será mediante o treinamento e a pré-temporada, e isso motiva os jogadores", pontuou o atleta, reforçando sua confiança para 2018.

"Sei que tenho condições de jogar, respeitando a todos. Isso vai ser no dia a dia, no trabalho, mostrando meu potencial na pré-temporada, no início dos jogos. Estou focado no Cruzeiro. Estou feliz de ter feito bons jogos no ano passado e a expectativa será de jogar mais ainda neste ano", acrescentou.

Lucas Silva, por fim, falou sobre as prioridades do elenco para a próxima temporada. "Para a Copa Libertadores, a expectativa é grande para o clube, torcida, mas sem deixar de lado os outros campeonatos, principalmente a Copa do Brasil e o Brasileiro", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.