Daniel Augusto Jr./Divulgação
Daniel Augusto Jr./Divulgação

Luciano festeja 1º gol em clássico, mas diz manter 'pé no chão'

Atacante ganhou a vaga de Vagner Love como titular do Corinthians

Estadão Conteúdo

10 de agosto de 2015 | 19h24

Ao marcar o gol do Corinthians no empate por 1 a 1 com o São Paulo, ocorrido no último domingo, no Morumbi, Luciano festejou um fato inédito em sua carreira. Pela primeira vez balançando as redes em um clássico, o atacante assim ganhou novos pontos com o técnico Tite para seguir como titular no duelo desta quarta-feira, contra o Sport, às 22 horas, no Itaquerão, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, a penúltima do primeiro turno da competição.

Após o treino realizado na manhã desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava, o jogador mostrou empolgação ao comentar sua atuação, mas ao mesmo tempo conteve a euforia ao projetar o confronto diante do rival pernambucano.

"Aproveitei minha chance, procurei aproveitar da melhor maneira possível e consegui ajudar o time a conquistar um ponto importante no Brasileiro", afirmou Luciano, em entrevista coletiva, na qual depois completou: "É diferente marcar em clássico, não tinha marcado ainda. Ontem comemorei com meus familiares. Fazer um gol contra o maior rival, fora de casa, é muita felicidade. Mas fazer só um gol não adianta, tem de ter o pé no chão e pensar no jogo de quarta-feira".

Luciano lembrou que o Corinthians precisa "fazer o dever de casa e continuar nessa caminhada rumo ao título", que hoje é disputado cabeça a cabeça com o Atlético-MG, atual líder isolado do Brasileirão, dois pontos à frente dos corintianos. E o atacante agora espera poder emplacar uma sequência de partidas, depois de ter seu início de temporada atrapalhado por uma lesão sofrida em duelo com o Bragantino pelo Paulistão.

As boas atuações no Corinthians, por sinal, aconteceram depois de o jogador ter se destacado como artilheiro da disputa do futebol masculino dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, com cinco gols, ajudando o Brasil a subir no pódio. "Fiquei muito tempo sem fazer gols também por conta das minhas lesões. No Pan pude ir bem, fazer gols e ajudar a seleção a conquistar a medalha de bronze. Aqui acabei meu jejum e agora vou tentar fazer mais gols", ressaltou Luciano, que antes de marcar contra o São Paulo já havia entrado bem na equipe substituindo Vagner Love na vitória por 3 a 0 sobre o Vasco, contra quem foi colocado em campo por Tite depois do intervalo e participou da bela jogada que resultou no golaço de Elias.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.