Lúcio deixará Bayern de Munique se for para o banco

Os rumores de que o novo técnico do Bayern de Munique, o holandês Louis Van Gaal, deixará o zagueiro Lúcio no banco de reservas ganham força na imprensa alemã. Da África do Sul, onde disputará a semifinal da Copa das Confederações, o jogador brasileiro afirmou nesta segunda-feira que deixará o clube caso isso ocorra.

AE, Agencia Estado

22 de junho de 2009 | 16h09

"Eu ainda tenho um ano de contrato com o Bayern e se o técnico não precisar mais de mim, não tenho o menor problema em me mudar para outro clube", afirmou o zagueiro.

Pentacampeão mundial pelo Brasil em 2002 e atual capitão da seleção, Lúcio disse confiar no seu potencial e saber que achará outro clube sem grandes dificuldades. "Estou certo de que alguém vai me querer. Não preciso provar mais nada para ninguém, todo o mundo sabe sobre isso. Assim que voltar para o Brasil, sentarei com meu agente. Se eles (Bayern) realmente pensam isso de mim, acho melhor que me digam o mais rápido possível", disse.

Segundo os rumores, Van Gaal projeta formar a nova dupla de zaga com Aaron Braafheid e Martin Demichelis. O técnico também estaria pensando em dispensar Tim Borowski, Andreas Ottl and Christian Lell.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBayern de MuniqueLúcio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.