Luis Enrique lamenta ausência de Neymar e faz mistério para o clássico

Treinador elogia o rendimento do brasileiro dentro dos gramados

O Estado de S.Paulo

06 Fevereiro 2017 | 12h22

A equipe titular do Barcelona para enfrentar o Atlético de Madrid, nesta terça-feira, no Camp Nou, pelas semifinais da Copa do Rei, é uma incógnita praticamente do começo ao fim. O técnico Luis Enrique tem dúvidas na defesa, no meio-campo e até no ataque, uma vez que não contará com Neymar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Na entrevista coletiva de imprensa desta segunda-feira, Luis Enrique deixou claro o tamanho da ausência do brasileiro. "Seu nível (de Neymar) está acima dos gols. Seu rendimento geral é altíssimo. Ele nos dá muitas coisas não só no ataque, mas também na defesa", afirmou.

O substituto do craque brasileiro ainda não está definido. "A princípio tenho menos opções que no meio. Rafinha era uma opção, mas não sabemos se estará em condições. Denis é outra opção", afirmou, fugindo de uma questão se Arda Turan seria o escalado.

No meio-campo, Busquets e Iniesta estão voltando de lesão e poderiam ser escalados. Mas Luis Enrique prefere o mistério. "Estão melhores a cada dia e isso é uma notícia muito positiva para a gente. Pode ser que voltem, pode ser que não", afirmou.

Já na defesa Piqué, está à disposição. "A decisão de parar antes que se machucasse foi uma boa solução. A princípio, está à disposição, mas amanhã (terça) veremos se está em condições ótimas".

O Barcelona ganhou de 2 a 1 na partida de ida, no Vicente Calderón, de forma que joga pelo empate em casa nesta terça-feira. O clube busca sua quarta final consecutiva na Copa do Rei, além do tricampeonato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.