Sergio Castro/AE - 20/12/2012
Sergio Castro/AE - 20/12/2012

Luis Fabiano acha 'quase impossível' a artilharia

Jogador do São Paulo está suspenso para o jogo contra a Ponte Preta e teria um jogo para superar rival

CIRO CAMPOS, Agência Estado

20 de novembro de 2012 | 20h50

SÃO PAULO - O atacante do São Paulo, Luis Fabiano, praticamente descartou nesta terça-feira a possibilidade de ser artilheiro do Brasileirão. O jogador tem 17 gols, dois a menos que Fred, do Fluminense, porém está suspenso do jogo contra a Ponte Preta e volta a campo apenas pela última rodada da competição.

"Vou só jogar no clássico contra o Corinthians, tendo que fazer três gols. A missão fica quase impossível", admitiu. Mas o artilheiro do São Paulo na temporada com 31 gols não perdeu a chance de provocar o rival, que usa o clássico como preparação, pois será o último jogo antes do embarque para o Mundial de Clubes, no Japão. "Mas vamos ver se a gente consegue atrapalhar um pouco o Corinthians", afirmou.

Luis Fabiano atribuiu a erros de arbitragem o fato de não ter condições de ser artilheiro da competição. "Nos últimos jogos até pensei que daria para ser artilheiro, mas fui prejudicado por erros", reclamou.

O atacante criticou o cartão amarelo recebido no jogo com o Náutico após um desentendimento com o zagueiro Alemão. O são-paulino já foi artilheiro do Brasileirão uma vez, em 2002, quando fez 19 gols, empatado com Rodrigo Fabri, do Grêmio.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.