Luís Fabiano admite estar fora de forma

O atacante Luís Fabiano, que não jogava há mais de três semanas, desde o amistoso do Brasil contra a Nigéria, admitiu ainda estar fora de ritmo e, apesar de tudo isso, marcou o gol de empate do São Paulo com o São Caetano e, de quebra, entrou para a história do clube como o primeiro jogador a marcar um gol sobre o time do ABC. ?Sei que não joguei bem, estive muito abaixo do meu potencial, mas me esforcei muito para ajudar o time?, disse o atacante. Pelo lado são-paulino, alívio pelo empate. Pelo lado do São Caetano, revolta pela não marcação do impedimento no gol de Luís Fabiano. Mateus, autor do primeiro gol da partida, estava transtornado no vestiário. ?A gente fez um legítimo que o juiz anulou. Eles fazem um irregular e vale, assim não dá?, esbravejou o atacante, referindo-se a um lance no segundo tempo, em que o companheiro de equipe, Marcinho, recebeu em posição duvidosa e chutou para o gol. O árbitro Romildo Corrêa anulou o lance. Mateus, apesar da revolta, dedicou seu gol ao ex-companheiro no Botafogo de Ribeirão Preto, o zagueiro Max, que morreu em campo na última semana. ?Ele era um grande amigo e esse gol foi para ele.?

Agencia Estado,

05 de julho de 2003 | 19h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.