Luís Fabiano garante a artilharia

A final de um campeonato é um jogo onde, normalmente, a personalidade de um jogador se revela por completo. Neste domingo não foi diferente e dois atletas mostraram, apesar da derrota para o Corinthians, que são capazes de dar sua contribuição e mostrar serviço quando o time precisa. Um é o atacante Luís Fabiano, que com o gol marcado para o São Paulo na partida, seu oitavo, terminou o Campeonato Paulista como artilheiro. O outro é o lateral Fabiano, que foi uma imagem de garra são-paulina em campo no momento em que marcou o gol de empate da partida.Mas o fato de ter sido goleador do Paulista não consolou Luís Fabiano, que antes da partida era enfático: não adiantaria ser o melhor atacante do campeonato se o São Paulo não conquistasse o título. O jogador está na melhor fase da carreira - recentemente fez cinco gols em uma única partida, pela Copa do Brasil -, mas a nova derrota para o Corinthians foi dura demais e ele, assim como o restante da equipe, saiu de campo sem dizer uma palavra, abatido.A surpresa do time do São Paulo foi a presença marcante do jogador Fabiano. Normalmente discreto e regular, o lateral mostrou uma nova faceta na partida contra o Corinthians: a garra. Com a saída de Reinaldo no início da partida, expulso, ele foi envolvido pelo abatimento de todo o time, mas se desdobrou no segundo tempo, sendo recompensado com o gol de empate são-paulino.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.