Luisa Gonzalez/Reuters
Luisa Gonzalez/Reuters

Luis Suárez testa positivo para o novo coronavírus e não vai enfrentar o Brasil

Atacante uruguaio deixa a concentração da equipe e vira baixa na véspera do confronto pelas Eliminatórias

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de novembro de 2020 | 17h30

O atacante Luis Suárez, da seleção uruguaia, está fora do jogo contra o Brasil, nesta terça-feira, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Em comunicado na tarde desta segunda, a Associação Uruguaia de Futebol (AUF) revelou que o jogador do Atlético de Madrid testou positivo para o novo coronavírus e já deixou a concentração da equipe, em Montevidéu, para evitar o risco de contágio.

Além de Suárez, a AUF confirmou nesta segunda que a delegação teve outros casos. O goleiro reserva Rodrigo Muñoz e o assessor de imprensa Matias Faral também testaram positivo. No domingo, quem testou positivo foi o lateral-esquerdo Matías Viña, que é do Palmeiras. Todos os contaminados estão com sintomas leves e têm recebido os cuidados do departamento médico.

O Uruguai vem de uma vitória por 3 a 0 sobre a Colômbia, em Barranquilla, pela última rodada. Assim como o adversário desta terça, o Brasil teve dois casos recentes de covid-19. O volante Casemiro foi cortado antes mesmo de se apresentar ao técnico Tite e o lateral-direito Gabriel Menino teve de deixar a delegação após os primeiros dias de trabalho na Granja Comary, em Teresópolis.

A seleção uruguaia garante que apesar dos resultados positivos, todos os outros membros da deleção passaram por exames e não estão com a doença. Em três rodadas das Eliminatórias o Uruguai bateu o Chile dentro de casa por 2 a 1 e derrotou a Colômbia, mas perdeu para o Equador por 4 a 2, em Quito. A equipe está em quarto lugar na tabela. Sem Suárez, o técnico Óscar Tabárez deve apostar em Darwin Núnez, do Benfica, como companheiro de ataque da Cavani.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.