Cesar Greco/Palmeiras
Cesar Greco/Palmeiras

Luiz Adriano e Vitor Hugo serão inscritos pelo Palmeiras na Libertadores

Felipão vai retirar Moisés, negociado para a China, e Felipe Pires da lista; Henrique Dourado não participará da competição

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de agosto de 2019 | 11h00

O técnico Luiz Felipe Scolari revelou que o zagueiro Vitor Hugo e o atacante Luiz Adriano serão inscritos pelo Palmeiras para disputar as quartas de final da Copa Libertadores, contra o Grêmio.

A decisão da comissão técnica palmeirense exclui o atacante Henrique Dourado, também contrato recentemente. Segundo Felipão, o jogador ainda precisa melhorar seu condicionamento físico e técnico com os treinos. 

Foram retirados da Libertadores o atacante Felipe Pires e o volante Moisés, negociado com o Shandong Luneng, da China. 

“Já tenho a lista. Serão substituídos Moisés e Felipe Pires por Vitor Hugo e Luiz Adriano. O Henrique Dourado ainda tem mais uns 10 ou 15 dias para melhorar. Se passarmos (para as semifinais), vamos ter outro lista. A de agora vai ser assim", disse Scolari. 

"Dentro do que imaginamos para o jogo de hoje, Vitor Hugo, Luiz Adriano, Scarpa, acho que 100% não conseguimos, mas tivemos uma amostra de determinadas situações para o jogo de sábado em Porto Alegre, para o jogo da Libertadores”, afirmou Felipão, referindo-se aos dois confrontos seguidos contra o time gaúcho. 

Grêmio e Palmeiras jogam neste sábado, na Arena gremista, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na terça-feira (20), os dois times se enfrentam novamente em Porto Alegre, desta vez pelo primeiro confronto das quartas de final da Copa Libertadores. 

O empate diante do Bahia marcou o retorno o zagueiro Vitor Hugo e a estreia do atacante Luiz Adriano. Ambos tiveram os nomes festejados pela torcida após o anúncio oficial no placar eletrônico. 

“Entrada do Adriano dá uma qualidade a mais, um sistema diferente de bola trabalhada. No final, foi bom. Eu gostei da equipe”, analisou Felipão. 

“Joguei nessa estreia. Fico feliz por meus companheiros me passarem tranquilidade para fazer uma boa partida. Foi apenas a estreia, aos poucos vou conhecendo melhor os meus companheiros. Com o tempo vai encaixar tudo. A concorrência é boa e precisamos dar o melhor nos treinamentos. A torcida nos apoiou o tempo todo. É isso que a gente espera”, analisou Luiz Adriano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.