Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Epitácio Pessoa/AE
Epitácio Pessoa/AE

Luiz Felipe Scolari sai em defesa de Valdivia: 'só ele leva cartão'

Depois de nova suspensão do chileno, técnico do Palmeiras reclama da falta de critérios da arbitragem

DANIEL BATISTA, O Estado de S. Paulo

30 de agosto de 2012 | 18h53

SÃO PAULO - Valdivia não jogou bem contra a Portuguesa e, para piorar sua situação, recebeu o terceiro cartão amarelo e com isso desfalca o Palmeiras na partida contra o Grêmio, sábado, às 20h30, no Pacaembu. Mas o técnico Luiz Felipe Scolari faz questão de defender o chileno e reclama da falta de critérios da arbitragem.

"No jogo com o Santos ele foi um dos melhores e contra a Portuguesa também foi muito bem. O Valdivia leva dez pauladas e a primeira que ele levanta é cartão. É uma coisa estranha, mas tem que respeitar a decisão dos árbitros que veem dessa forma. Ele buscou bem o jogo e vamos ver o que nós vamos fazer para a próxima rodada", disse o treinador, que ainda não definiu quem entra no lugar do chileno.

Para reforçar a defesa ao chileno, Felipão disse que vê Valdivia sofrendo do mesmo problema que Neymar. "Eu disse no último sábado que o Neymar é um grande jogador e que as faltas têm de ser apitadas quando ele as sofre. Ele pega a bola e vai para cima dos adversários. Os árbitros, às vezes, acha que é manha deles, mas os dois são ótimos jogadores que sabem proteger bem a bola."

Sem Valdivia, Felipão pode escalar Mazinho no meio de campo e Betinho e Barcos no ataque. Como Artur pode voltar ao time, ele ficaria no lado direito e João Vitor retornaria ao meio de campo, para atuar ao lado de Henrique e Corrêa. A definição do time deve acontecer no treinamento desta sexta-feira, às 15h, na Academia de Futebol. Após a atividade, o meia Tiago Real será apresentado.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.