Luizão acerta só com o Grêmio

O atacante Luizão não acertou seu contrato com o Hertha Berlim, da Alemanha, mas esse problema dificilmente impedirá sua transferência para o Grêmio, clube que ele defenderá até a convocação da seleção para a Copa do Mundo. O empresário do jogador, Francisco Monteiro, o Todé, confirmou hoje à tarde que não houve acordo entre Luizão e o clube alemão. Mas o atacante permanecia hoje na Europa na expectativa de acertar contrato com um outro clube do exterior. Todé não quis falar qual seria esse clube e até descartou a hipótese de o jogador assinar com a Lázio, da Itália, como algumas agências internacionais de notícias divulgaram. "Mas qualquer que seja o clube, o acordo para ele atuar até a Copa com o Grêmio está mantido", afirmou Todé. Luizão deverá chegar amanhã ao Brasil e provavelmente quarta-feira se apresentará no Grêmio. No Parque São Jorge, os dirigentes não querem mais falar sobre o Luizão. O caso, segundo informou o vice-presidente de Futebol do Corinthians, Antônio Roque Citadini, está entregue aos advogados contratados pela Hicks Muse, parceira do campeão paulista, responsável pela investimento na contratação de Luizão. Os advogados entraram com um recurso no Tribunal Regional do Trabalho, para tentar recuperar o contrato com o atleta e escapar do pagamento de cerca de R$ 5 milhões ao jogador, como determinou o TRT, em primeira instância. O técnico Carlos Alberto Parreira já começa a pensar em um substituto para Luizão no time do Corinthians. O treinador admite que para este semestre não há mais condição para se fazer investimento em um reforço com as características do ex-centroavante. "Mas acho que para o segundo semestre temos de pensar em alguém para o lugar", disse Parreira, que até brincou com um repórter ao comentar que no mercado há Washington e França para a vaga deixada por Luizão no Parque São Jorge.

Agencia Estado,

11 Março 2002 | 19h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.