Lula recebe réplica da taça da Libertadores do Corinthians

Ex-presidente recebeu homenagem de líderes do clube durante reunião do PT no Instituto Lula

Daiene Cardoso, O Estado de S. Paulo

23 de julho de 2012 | 20h33

SÃO PAULO - Dirigentes do Corinthians levaram na tarde desta segunda-feira, ao escritório do Instituto Lula, na zona sul da capital paulista, a taça de Campeão da Libertadores, conquistada no dia 4 de julho pelo clube. Lula esteve reunido com caciques do PT e com o candidato do partido à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad.

Por volta das 17h30, o presidente do clube, Mario Gobbi, e o vice-presidente Luiz Paulo Rosenberg, entraram no escritório do ex-presidente carregando a taça original, que estava coberta com uma bandeira do Corinthians. Segundo a assessoria da Instituto Lula, o ex-presidente ganhará uma réplica da taça. A expectativa é que jogadores do Corinthians também sigam para a sede do Instituto Lula.

“Nós fizemos uma surpresa para ele (Lula). Ele é um corintiano ilustre que ajudou e tem ajudado muito o Corinthians e merecia essa visita nossa, com o técnico Tite e o capitão do time (Alessandro) para dar um abraço, mostrar a taça, dar a faixa de campeão para ele e renovar o corintianismo dele, que é um exemplo para todos nós. Ele ganhou uma réplica da taça, faixa de campeão, medalha, tudo, se tivesse mais coisa, ele ganharia também”, revelou Gobbi.

Lula voltou nesta segunda de uma temporada de 10 dias de férias no interior de São Paulo. Desde as 16 horas Lula está reunido com Haddad, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, os dirigentes estadual e municipal do partido, deputado estadual Edinho Silva e o vereador Antônio Donato, respectivamente e o secretário nacional Paulo Frateschi. Eles discutem com o ex-presidente formas de participação dele na campanha de Haddad, considerada estratégica pelo partido.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansLulaCopa Libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.