Lula visita obras do Maracanã e promete ir na reinauguração

Ex-presidente fica por 1h15 no palco das finais das copas das Confederações de 2013 e do Mundo de 2014

LUCIANA NUNES LEAL, Agência Estado

28 de fevereiro de 2013 | 11h05

RIO - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o governador Sérgio Cabral (PMDB) e o vice-governador, Luiz Fernando Pezão (PMDB), fizeram na manhã desta quinta-feira uma visita secreta às obras do Estádio do Maracanã, que está sendo reformado para a disputa da Copa das Confederações, em junho, e da Copa do Mundo de 2014.

Eles chegaram ao estádio às 7h15 e ficaram até as 8h30. A programação não está na agenda oficial do governador distribuída pela assessoria de imprensa do governo. Lula fez um discurso para os operários e prometeu ir ao jogo oficial de reabertura do Maracanã, no dia 2 de junho.

O ex-presidente disse que aplaudiria não apenas as seleções do Brasil e da Inglaterra, que vão se enfrentar no primeiro jogo após a reforma no estádio, mas também os trabalhadores.

A reforma do Maracanã é uma das mais atrasadas para a Copa das Confederações, que começa em 15 de junho. O estádio receberá seu primeiro jogo da competição no dia 16 (México x Itália), outro no dia 20 (Espanha x Taiti) e a final, em 30 de junho. Segundo o governo estadual, o estádio ficará pronto em abril. O Maracanã também vai receber a decisão da Copa do Mundo de 2014.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.