Lusa pode perder Gléguer para o Grêmio

Ao mesmo tempo que busca recursos para reforçar o elenco da Portuguesa, a diretoria se vê em apuros para não perder alguns de seus titulares. Depois de ficar sem o artilheiro Washington, que se transferiu para o Palmeiras, a Lusa corre o risco de perder o goleiro Gléguer para o Grêmio.As sondagens existem há bom tempo, mas as negociações ganharam força neste final de semana. O goleiro de 28 anos é um ícone do elenco, onde atua desde 2003, emprestado pelo Corinthians. Mesmo assim ele não tem multa contratual para deixar o Canindé e pode até ir para o Olímpico, em Porto Alegre. O time gaúcho liberou Eduardo Martini para o Brasiliense e, domingo, estreou o quarto goleiro, Galatto, na vitória de 2 a 0 sobre o Criciúma.Gléguer, que sempre reforça sua admiração pela Lusa, não esconde a vontade de experimentar novos ares. "Seria uma boa experiência. Houve sondagens, mas não tenho ainda um proposta oficial", comentou. O técnico Giba, preocupado, não admite a saída de seu titular: "Nosso elenco é muito reduzido para uma competição tão longa e difícil. O Gléguer tem afinidade com o clube e bagagem para ajudar nosso time a voltar para a primeira divisão". Os novos contatos, por enquanto, não foram confirmados pelos dirigentes gremistas.Se está difícil segurar os titulares, mais complicado parece confirmar reforços. Ainda continua indefinida a vinda do zagueiro Gaúcho, que tem vínculo com o Atlético Mineiro. Se o negócio não der certo, a diretoria promete voltar à carga junto a Márcio Santos, um dos destaques do São Bento na Série A2 Paulista. Na lista de prioridades da comissão técnica estão um zagueiro e um lateral direito, porque o clube só tem Wilton Goiano para a posição.A situação do centroavante Leandro Amaral ainda é confusa. Embora ele já tenha definido sua volta, ainda não conseguiu a liberação junto ao Istres, da França, que caiu para a segunda divisão. O atacante deixou o clube francês por falta de pagamento, mas agora não consegue pegar seus documentos de transferência.Sem contar com eventuais saídas ou chegadas, a comissão técnica reiniciou os trabalhos pela manhã com treinos de regeneração sob os cuidados do fisicultor Lino Fachini Júnior. Tudo para pegar o União Barbarense, sexta-feira, de novo no Canindé.O técnico Giba pretende fazer um treino tático nesta terça-feira à tarde e definir o time, possivelmente, no coletivo previsto para quarta-feira. Mas ele terá duas baixas importantes: Wilton Goiano, expulso na goleada de 4 a 1 sobre o Bahia, e o experiente volante Almir, suspenso com três cartões amarelos. Rafael Costa e Maurício são as opões para a lateral, enquanto Alexandre é o primeiro nome para o meio campo.O zagueiro Nenê, com entorse no tornozelo direito, preocupa os médicos que liberaram o também zagueiro Pereira para reiniciar os treinos físicos. Fora de combate só mesmo o lateral-esquerdo Cláudio, reserva de Leonardo. A boa novidade é que o meia Silas está à disposição depois de cumprir a automática por ter sido expulso na derrota, de 1 a 0, para o Santa Cruz.Garantido - A Portuguesa conseguiu segurar o meia Cléber no Canindé. No início da noite a diretoria anunciou a prorrogação de contrato do "Ricardinho da Lusa" até dezembro, portanto, até o final do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.