Lusa reclama de árbitros "nortistas"

O presidente da Portuguesa, Manuel da Lupa, envia nesta terça-feira uma representação à CBF protestando com "as arbitragens nos jogos nas regiões Norte e Nordeste".Para o dirigente, a Lusa vem sendo prejudicada nos jogos nessas regiões. Nas partidas contra Santa Cruz, em Recife, e São Raimundo, em Manaus, a Portuguesa recebeu 16 cartões amarelos no total e ainda teve pênaltis não assinalados. Na visão dos diretores da Lusa, haveria uma espécie de "complô" das arbitragens contra o time paulista.Na CBF, a diretoria lusa segue tentando também a liberação do atacante Leandro Amaral. O jogador foi contratado há quase um mês do Istres, da França, mas sua documentação ainda não foi regularizada. A expectativa é que o atestado liberatório chegue até quarta-feira, e que Leandro possa fazer sua reestréia pela equipe na sexta-feira, contra o Santo André, no Canindé. Vale lembrar que a Lusa ocupa a segunda colocação na Série B com 13 pontos, um a menos que o time do ABC, o líder.Para esse jogo, o técnico Giba não poderá contar com o lateral-esquerdo Leonardo e o volante Rai, suspensos. Cláudio e Rodrigo Pontes serão seus substitutos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.