César Greco / Ag. Palmeiras
César Greco / Ag. Palmeiras

Luxemburgo admite primeiro tempo ruim do Palmeiras: 'Só o Bragantino jogou'

Técnico espera reflexão dos jogadores por mudança de postura nas próximas partidas

Redação, Estadão Conteúdo

02 de fevereiro de 2020 | 19h45

O técnico Vanderlei Luxemburgo afirmou que a fraca atuação no primeiro tempo foi determinante para a derrota do Palmeiras para o Red Bull Bragantino por 2 a 1, neste domingo, fora de casa, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. O resultado marcou a primeira derrota do Palmeiras no Estadual - o time ainda não havia sofrido gols no torneio.

Na etapa inicial, o Bragantino optou pela marcação sob pressão já em seu campo de ataque, dificultando a saída de bola do Palmeiras. E, quando esteve em busca do gol no setor ofensivo, trocou passes rápidos, envolvendo a defesa rival.

Uillian Correia abriu o placar para o time do interior no primeiro tempo. Na etapa final, dois gols de pênaltis: Ytalo aumentou a vantagem do Bragantino e Dudu diminuiu para o Palmeiras.

"Foram dois tempos distintos. No primeiro, só o Bragantino jogou. No segundo, jogamos junto com eles. Houve uma mudança de atitude. No segundo tempo fomos diferentes na atitude, mas não tecnicamente", analisou o treinador, que reconheceu a inferioridade do Palmeiras diante do adversário.

"Não jogamos bem, e isso é uma realidade. Os jogadores vão entender que nossas conquistas vão depender de nós. Você não ganha o próximo jogo com um resultado passado, você ganha se jogar", referindo-se ao triunfo sobre o Oeste, por 4 a 0, na última rodada.

Luxemburgo espera que a derrota em Bragança Paulista faça os jogadores refletirem sobre uma mudança de postura para os próximos jogos. "Nós não jogamos. O Bragantino fez por merecer. É uma derrota merecida, que faz a gente entender que temos que ter atitude em todos os jogos".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.