Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Luxemburgo agora só pensa no Palmeiras

Os resultados esperados com a troca de treinador ainda não estão aparecendo. Luxemburgo conquistou uma vitória, um empate e sofreu uma derrota nos três jogos em que dirigiu o time do Santos. Por isso, ele quer ver o time assimilando logo seu esquema tático, já que a má situação no Brasileiro pode criar problemas para a recuperação dos pontos que vem perdendo até aqui. Em seis jogos, os santistas ganharam apenas dois e perderam os outros quatro. Nas partidas, o treinador vem enfrentando um problema que era velho conhecido dos ex-técnico Leão: a falta de jogadores para substituir os titulares. Foi o que aconteceu quarta-feira contra o Once Caldas, quando Léo foi expulso. Como Luxemburgo já havia substituído Paulo César, que joga também pelo lado esquerdo, teve de improvisar Marco Aurélio por aquele lado. Ao tirar Paulo César, o novo técnico fez uma substituição bem ao estilo de seu antecessor, deslocando Elano para a lateral-direita. Além das limitações do banco de reservas, o centroavante Deivid também não vem tendo um bom aproveitamento. Só não está seguindo o mesmo caminho dos outros atacantes que o antecederam - Alberto, Ricardo Oliveira e Robgol, que passaram várias partidas sem marcar gols - porque logo em sua estréia cobrou um pênalti e marcou. Foi só, pois nas demais partidas tem tido um rendimento abaixo do esperado para um jogador de sua técnica. Sobre Deivid, Luxemburgo admite que o jogador não está num bom momento. "Eu o conheço muito bem e sei que ele pode render muito mais", disse o treinador, que vai manter o atacante no time principal. "Ele precisa jogar, pois senão dificilmente chegará a um momento melhor", completou, revelando que havia pensado em substituir o centroavante por Leandro Machado durante o jogo contra o Once Caldas, mas a expulsão de Léo atrapalhou seus planos. Clássico - Depois do empate contra o time colombiano pela Libertadores da América, os jogadores estão concentrados apenas no clássico contra o Palmeiras, jogo em que pretendem a reação no Brasileiro. O time treina amanhã em dois períodos, quando Luxemburgo irá definir a equipe para o clássico. Ele não poderá contar com o lateral-direito Paulo César e com o meia Preto Casagrande, que cumprirão suspensão automática.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.