Luxemburgo barra Ricardinho e promove volta de Zé Luís

Como já virou rotina no Atlético-MG neste Campeonato Brasileiro, o time titular chegará bastante modificado para o jogo desta quinta-feira, contra o Fluminense, no Engenhão. No treino coletivo desta terça, o técnico Vanderlei Luxemburgo promoveu quatro modificações, sendo a mais surpreendente a volta de Zé Luís no lugar de Ricardinho.

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2010 | 22h41

Assim como o volante, mais dois jogadores retornam de lesão: o lateral-direito Rafael Cruz e o zagueiro Réver. O primeiro treinou na vaga Diego Macedo, enquanto o segundo desbancou o paraguaio Cáceres, formando a dupla de zaga com o equatoriano Jairo Campos. Na lateral-esquerda, Leandro foi poupado e Eron atuou no seu lugar, mas o titular não preocupa para o jogo de quinta.

Mas a surpresa mesmo foi no meio de campo armado por Luxemburgo, com três volantes. Além de manter Diego Souza no banco, Ricardinho também foi para a reserva. Assim, Zé Luís e Alê treinaram mais recuados, enquanto Serginho tinha liberdade para avançar e encostar em Daniel Carvalho, único meia. Na frente, Diego Tardelli e Obina foram mantidos.

As mudanças em relação ao time que perdeu para o Vitória, no último domingo, devem ser confirmadas nesta quarta, quando o Atlético faz o seu último treino antes da viagem ao Rio. Enquanto o time mineiro luta contra o rebaixamento, o Fluminense aparece na vice-liderança, mas vem de uma sequência de apenas seis pontos nas últimas sete rodadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.