Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Luxemburgo confirma nova posição de Felipe Melo: 'Pode ser um grande zagueiro'

Treinador do Palmeiras diz que volante poderá render melhor se atuar mais recuado

Redação, O Estado de S. Paulo

14 de janeiro de 2020 | 13h41

O técnico Vanderlei Luxemburgo, do Palmeiras, afirmou nesta terça-feira que vai mesmo testar o volante Felipe Melo como zagueiro nesta temporada. Em entrevista à organização da Florida Cup, o treinador disse que tomou a decisão por confiar no potencial do jogador de 37 anos e na capacidade de render mais em uma posição que deve exigir menos deslocamentos pelo campo.

"Quando você traz ele para trás, mais cinco metros ou dez, ele vai deixar de correr 60% do jogo. Ele vai correr só 40%. Com a inteligência, a qualidade e a força física que tem, não tenho dúvida de que ele pode se tornar um grande zagueiro", disse Luxemburgo. Na semana passada, quando o elenco ainda estava em São Paulo, Felipe Melo afirmou que toparia atuar na posição.

O volante já foi posicionado como zagueiro em outros momentos da carreira, como na época do Galatasaray, da Turquia. "Eu acho que ele (Felipe Melo) é um excelente jogador de futebol, mas é muito alto e muito pesado. Hoje, com a idade que ele tem, ele joga de volante. Só que a intensidade do jogo é diferente", afirmou o treinador. O paraguaio Gómez deve ser o companheiro de Felipe Melo na zaga.  

Na opinião do treinador, ao ser posicionado como zagueiro, Felipe Melo terá menos riscos de cometer faltas e levar cartões. "Ele consegue ter intensidade, mas em um momento do jogo ele perde essa intensidade, e aí ele fica com dificuldade. Em um bote, ele vai bem. No segundo bote ou no terceiro, ele toma cartão amarelo. No quarto bote, ele vai tomar o cartão vermelho", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.