Luxemburgo diz não estar preocupado

O técnico Vanderlei Luxemburgo garante: não está preocupado com o seu emprego, apesar da fase ruim que atravessa o Real Madrid. "Não é a primeira vez que me questionam. Sempre acontece com otreinador. Não tenho problemas, estou acostumado. Vou continuarcomo sempre e não vou mudar. Tenho um compromisso até junho e devotrabalhar. Além disso, continuo pensando que vou ganhar oCampeonato Espanhol", disse o treinador após o treino desta sexta-feira na Cidade do Futebol de Las Rozas. O técnico brasileiro explicou que jogará com um meio-campo mais marcador contra o Bétis. "Vamos pôr um meio-campo com menos qualidade e técnica, mas que vão brigar mais. No ataque, Guti, Raúl e Robinho que são perigosos no contra-ataque". Na última partida contra o Deportivo La Coruña chamou a atençãoa substituição de David Beckham, que não viajará para Sevilha por conta de uma lesão. "Saiu com problemas no último jogo. Não tenho problemas em tirar um jogador e, além disso, não estava jogando bem, além de terproblemas físicos". Além disso, houve críticas sobre a falta de atitude da equipeno último jogo. "A atitude só faltou contra o Deportivo La Coruña, masfaltou de tudo, jogar futebol, coragem... a equipe ficouintimidada. Quanto mais dificuldades, mais coração é preciso. A equipe tem que identificar o que faltou. É preciso brigar e buscar a vitória ". Por último, destacou que o mau momento de Robinho é semelhanteao do resto da equipe. "Está em um momento ruim como o resto daequipe. Temos má sorte todos".

Agencia Estado,

28 de outubro de 2005 | 12h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.