Luxemburgo é novo técnico do Santos

A diretoria do Santos agiu rápido e anunciou no meio da tarde desta terça-feira, a contratação de Vanderlei Luxemburgo para dirigir o time na próxima temporada. O treinador continua no Exterior, mas deve chegar ao Brasil ainda esta semana para assinar o contrato. As bases não foram reveladas, mas há informações de que os valores são inferiores aos R$ 500 mil mensaisque estavam sendo especulados. Luxemburgo vai substituir Nelsinho Baptista, que no dia 19 de novembro deixou o clube, menos de dois meses depois de assumir o cargo. Nos últimos jogos do Brasileiro, o Santos estava sendo dirigido interinamente por Serginho Chulapa.Luxemburgo foi demitido no dia 4 de dezembro, menos de um ano depois de ter assumido o comando do Real. Quinto treinador do time em dois anos e meio, o brasileiro chegou a receber voto de confiança da diretoria, duas semanas antes de sair. Mas os dirigentes, aparentemente, não resistiram às críticas da imprensa e da torcida e o dispensou muito antes do final do contrato. Luxemburgo se transferiu para o Real saindo justamente do Santos. Seu início na Espanha foi animador. Pegou o time desmotivado e comandou uma reação surpreendente. Por pouco não alcançou o Barcelona - que acabou sendo o campeão. A maré começou a virar, no entanto, nos dois empates contra o Valladolid, que significaram a eliminação da Copa do Rei. Depois, em março, outro fracasso: a eliminação da Liga dos Campeões, diante da Juventus. Nos últimos jogos, o time caiu muito de produção, independentemente da competição que disputava. As vaias começaram e o técnico acabou sacrificado. O treinador chegou a ser cogitado para dirigir as seleções do Irã e da Arábia Saudita, mas não aceitou.Vanderlei chega ao Santos com plenos poderes. Além do salário muito acima do teto adotado no Brasil, o treinador deverá assumir todo o departamento de futebol do clube. Vai gerenciar as categorias de base e promover uma ampla reestruturação na equipe profissional.

Agencia Estado,

13 de dezembro de 2005 | 15h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.