Luxemburgo elogia trabalho no Flamengo e abre mão de férias

Empolgado com boa reação do time no Brasileirão, técnico já se concentra na montagem do elenco rubro-negro para o próximo ano

Estadão Conteúdo

08 de dezembro de 2014 | 09h53

Vanderlei Luxemburgo deixou de lado a modéstia e admitiu que foi decisivo para a permanência do Flamengo na Série A do Campeonato Brasileiro neste ano. Na avaliação do treinador, seu trabalho "foi bom" e pode ser melhor em 2015. Para tanto, ele avisou que vai abrir mão das férias neste fim de ano.

"A situação seria mais complicada se eu não tivesse sido contratado. Não por mim, mas acho que os jogadores entenderam o que eu tinha para falar", declarou o técnico. "Fomos com paciência, ganhamos o primeiro jogo e perdemos o segundo, mas conseguimos sair. O trabalho foi bom, não como desejávamos, mas foi bom. Uma temporada positiva para mim e não tão ruim para o clube."

Empolgado com boa reação do time no Brasileirão, Luxemburgo dispensou as férias para se concentrar na montagem do elenco para o próximo ano. "Não vou ter férias. Nem quero, vou trabalhar até o fim do ano com a maior dedicação possível. Tenho que ter jogadores prontos para 2015. O Flamengo tem que construir o ídolo dele em campo, um grande jogador. Ou você forma esse ídolo ou contrata um grande cara de fora. Vamos trabalhar para isso até o fim do ano", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoLuxemburgoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.