Luxemburgo fala de Cicinho com cautela

O técnico do Real Madrid, o brasileiro Vanderlei Luxemburgo, foi cauteloso ao comentar nesta terça-feira a contratação do lateral-direito Cicinho, anunciada pela diretoria do São Paulo. O treinador disse à agência EFE que o negócio ainda não está concretizado e que ?por enquanto, existe apenas uma opção de compra?, pelo clube espanhol. "Temos só uma opção, e logo veremos se ele (Cicinho) será incorporado ao elenco em janeiro ou em um momento mais apropriado. Pode vir em janeiro ou em dezembro, mas a única coisa que sei é que o Real Madrid tem uma opção de compra", avaliou. "Nessa posição (a lateral-direita) tenho o Diogo e o Michel Salgado, e o Cicinho, insisto, é só uma opção", disse o técnico. A negociação entre o Real Madrid e o São Paulo foi anunciada hoje pelo presidente do clube paulista, Marcelo Portugal Gouvêa. O jogador, de 25 anos, estava sendo negociado com o Manchester United. A negociação com o clube inglês fracassou porque o lateral teria de tirar o passaporte italiano esta semana, mas o mesmo ainda não sabe quando receberá a documentação. "A direção do Real Madrid entrou em contato comigo na noite de segunda-feira e rapidamente, ou seja, em menos de um dia, chegamos a um acordo", afirmou o presidente do Tricolor. Segundo Gouvêa, o São Paulo "receberá um valor superior aos US$ 7,2 milhões estipulados na rescisão do contrato por sua participação de 60% nos direitos federativos do atleta". A rescisão tinha sido fixada em US$ 12 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.