Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Luxemburgo festeja vantagem do Flamengo e exalta Paulo Victor

Rubro-negro só empata sem gols com o Vasco no jogo de ida

Estadão Conteúdo

13 de abril de 2015 | 09h04

O empate por 0 a 0 com o Vasco, domingo, no Maracanã, manteve a vantagem do Flamengo nas semifinais do Campeonato Carioca e foi celebrada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo. Ele destacou que teve dificuldades para escalar o seu time, mas mesmo conseguiu assegurar um resultado que deixa a equipe em situação mais confortável para o duelo de volta.

"Entramos com prejuízo maior do que o Vasco já que tínhamos muitos jogadores voltando de lesão. Tirei o Jonas e mantive o Canteros, depois coloquei o Everton. Conseguimos transferir para o próximo jogo a decisão. Se o resultado da partida terminar como se inicia passamos para a próxima fase da competição", disse.

Um dos responsáveis pela igualdade foi o goleiro Paulo Victor, que fez belas defesas. Para Luxemburgo, o seu comandado vem demonstrando ter condições de receber uma chance na seleção brasileira. "O Paulo Victor é um jogador em nível de seleção e está muito bem desde o ano passado. Há muito tempo que tenho falado isso", afirmou.

Sem jogos no meio de semana, Luxemburgo terá um tempo extra para preparar o Flamengo para o duelo do próximo domingo com o Vasco, o que foi destacado pelo treinador, ainda mais que o Vasco terá compromisso pela Copa do Brasil antes de se concentrar no clássico. "Importante ter tempo para trabalhar. Temos jogadores que estavam no departamento médico e vai ajudar bastante, mas não quer dizer que vamos ganhar", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.