Arquivo/AE
Arquivo/AE

Luxemburgo muda o esquema no Santos para reagir

Técnico reforça a marcação no meio com a escalação de três volantes - Emerson, Germano e Rodrigo Souto

SANCHES FILHO, Agência Estado

27 de setembro de 2009 | 09h13

O Santos terá a volta de Madson para enfrentar o Atlético Mineiro, neste domingo, às 18h30, no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (no estadao.com.br e ao vivo na rádio Eldorado/ESPN), pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Vanderlei Luxemburgo pretendia promover a estreia de Jean, contratado há um mês do Al-Sharjah, dos Emirados Árabes Unidos, mas o jogador sentiu problemas musculares, não treinou na última sexta-feira e foi cortado da viagem.

Veja também:

linkAtlético-MG encara Santos para seguir na luta por título

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 ATLÉTICO-MG
Carini; Carlos Alberto, Jorge Luiz, Werley e Thiago Feltri; Jonílson (Renan), Correa, Márcio Araújo e Evandro; Diego Tardelli e Éder Luís
Técnico: Celso Roth
 SANTOS
Felipe; George Lucas, Fabão, Eli Sabiá e Léo; Emerson, Germano e Rodrigo Souto; Madson, Kléber Pereira e Robson
Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF)

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Horário: 18h30

Rádio: Eldorado/ESPN - AM 700/FM 107,3

TV: PPV

O treinador aproveitou a perda de última hora para reforçar a marcação no meio de campo com a escalação de três volantes - Emerson, Germano (ficaria fora se Jean jogasse) e Rodrigo Souto. Embora afirme que vai armar a equipe no 4-3-3, Madson e Robson ajudarão na marcação no meio e sairão em velocidade para o ataque, enquanto Kléber Pereira ficará isolado na frente.

"Vou escalar três atacantes porque tenho informação de que (Celso) Roth também vai optar pelo 4-3-3 que ele sempre usa no segundo tempo das partidas com a entrada de Rentería", explicou o treinador. Sua maior preocupação é compactar os setores para que o time não sinta dificuldades atuando num campo de maiores dimensões como o Mineirão. "Acredito que o time vai ficar mais equilibrado", acrescentou.

Apesar da campanha irregular do time, que não consegue sair da zona intermediária e se aproximar do G-4, Luxemburgo afirma jamais ter desistido de brigar por vaga na Copa Libertadores da América e nem cogitado a classificação para a Copa Sul-Americana. Ele afirma que os pontos desperdiçados na Vila Belmiro podem ser recuperados em jogos como o deste domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroSantos FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.