Luxemburgo pode voltar a usar o 3-5-2

Com a liderança no Campeonato Brasileiro ameaçada, o Cruzeiro enfrenta o Goiás, neste sábado, às 16 horas, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 29ª rodada da competição. Seguido de perto por Santos e São Paulo, o time mineiro busca uma vitória na casa do adversário para não correr o risco de ser ultrapassado por algumas das equipes paulistas e deixar a ponta da tabela, posição que mantém desde o início do primeiro turno. Com 52 pontos, o Cruzeiro terá pela frente um time que já ocupou a lanterna do campeonato, mas conseguiu se recuperar e atualmente está em 18º lugar, com 31 pontos. "Vai ser um jogo super difícil e temos de ter tranqüilidade para conseguir os três pontos", observa o zagueiro Cris, que se firmou como titular do time, após a saída de Luisão, negociado com o futebol português. O técnico Vanderlei Luxemburgo não poderá contar com o volante Maldonado e com o lateral-esquerdo Leandro. O primeiro sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito e ficará aproximadamente 30 dias afastado dos treinamentos. Leandro está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Devido aos problemas, Luxemburgo poderá optar pela volta ao esquema 3-5-2, improvisando o meia Sandro na lateral e promovendo as entradas de Felipe Melo no meio e Thiago, na zaga. Caso decida manter o tradicional esquema 4-4-2, o técnico deverá escalar Jardel no meio-campo, deixando Thiago no banco. Este ano, o time mineiro já venceu o Goiás no Serra Dourada, por 3 a 2, em partida válida pela Copa do Brasil. "Mas cada jogo é diferente", alerta o atacante colombiano Aristizábal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.