Luxemburgo põe Figo no banco

O técnico Vanderlei Luxemburgo instalou um clima de guerra no Real Madrid, a dois dias do clássico contra o Barcelona, marcado para domingo no Santiago Bernabeu, em Madri. Sabendo que não pode sequer pensar em derrota, o treinador resolveu ousar e pretende colocar o português Luis Figo no banco. Com um sistema 4-4-2, o Real terá apenas um volante de marcação - o norueguês Thomas Gravesen. O setor será completado com David Beckham pela direita; Raul pela esquerda e Zidane pelo meio. Ou seja, três jogadores com características mais ofensivas. Na frente, vai escalar Ronaldo e Michael Owen.O técnico confirmou ainda a escalação de Pavón ao lado de Helguerra, ocupando a vaga do zagueiro Samuel, machucado. No gol, o Real terá Iker Casillas e nas laterais, Michel Salgado e Roberto Carlos. O Barcelona lidera o Campeonato Espanhol, com 9 pontos de vantagem sobre Real Madrid, o segundo colocado. Se vencer a partida de domingo o time catalão vai ficar muito próximo do título - que seria o primeiro em seis anos.

Agencia Estado,

08 de abril de 2005 | 10h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.