Luxemburgo viaja para Madri tentar a sorte

O técnico Vanderlei Luxemburgo desembarcou nesta sexta-feira em Madri, na Espanha, onde tem agendadas pelo menos duas reuniões com representantes de clubes daquele país, conforme informou à Agência Estado o assessor de imprensa do ex-treinador do Cruzeiro, Luiz Lombardi.Luxemburgo vai aproveitar a viagem para visitar a filha Vanessa e o genro, Fabiano, que atualmente joga no Albacete. O ex-técnico do Cruzeiro disse a vizinhos, no prédio onde possui residência, em Belo Horizonte, que iria para a Espanha visitar o neto.Lombardi não quis revelar os clubes com os quais Luxemburgo estaria negociando uma futura transferência. Disse, porém, que o técnico possui proposta também do futebol turco. "Mas nada do que está sendo tratado é algo de imediato", afirmou o assessor.Luxemburgo vem reiterando que atualmente o seu maior objetivo profissional é dirigir uma equipe de ponta da Europa, principalmente da Espanha. No ano passado, quando renovou com o Cruzeiro, o treinador exigiu a introdução de uma cláusula no contrato que permitia que ele deixasse o clube caso recebesse uma proposta vantajosa do exterior. Nesse caso, não haveria necessidade de pagamento de multa rescisória.De acordo com o assessor, Luxemburgo deverá retornar ao Brasil dentro de dez dias, quando dará uma entrevista coletiva. O treinador promete dar a sua versão sobre os motivos que o levaram a sair do Cruzeiro. "Ele está magoado e vai contar toda a trajetória dele no Cruzeiro, início meio e fim".Advogados do clube mineiro e de Luxemburgo não chegaram a um acordo sobre a rescisão contratual, que poderá ser decidida na Justiça. As partes chegaram a um impasse: enquanto o Cruzeiro diz que o técnico pediu demissão, Luxemburgo sustenta que foi demitido pelos dirigentes, apesar de ter manifestado o desejo de continuar no cargo. O técnico cobra os valores correspondente a 50% do restante de seu contrato. Segundo Lombardi, algo em torno de R$ 1 milhão. "Eu ainda acredito que o melhor caminho é chegar a um acordo, mas está difícil", disse nesta sexta-feira o diretor de Futebol do Cruzeiro, Eduardo Maluf.A indefinição em relação à sua rescisão contratual foi um dos argumentos utilizados por Luxemburgo para não acertar com o Fluminense, que anunciou a contratação do ex-técnico da Seleção Pré-Olímpica, Ricardo Gomes. "Na verdade, ele achou interessante o projeto de trabalho, mas não tinha intenção de assumir um novo clube agora", afirmou Lombardi.

Agencia Estado,

05 de março de 2004 | 18h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.