Lyon é goleado e perde ponta para o Bordeaux na França

Enquanto faz uma campanha perfeita na Liga dos Campeões, o Lyon não tem conseguido vencer pelo Campeonato Francês. Na última rodada, a equipe já havia perdido em casa, mas manteve a liderança. Neste sábado, porém, a goleada inesperada para o Nice, por 4 a 1, acabou custando a ponta da tabela. Isso porque o Bordeaux venceu o Le Mans por 3 a 0 e subiu para primeiro.

AE, Agencia Estado

24 de outubro de 2009 | 18h02

Heptacampeão consecutivo entre 2002 e 2008, o Lyon perdeu sua hegemonia no ano passado, justamente para o Bordeaux. Agora, o atual campeão aparece novamente na liderança após dez rodadas, com 22 pontos, enquanto o Lyon é apenas o quarto colocado, somando 20 pontos. Com a mesma pontuação está o recém-promovido Montpellier, que ainda pode ficar em primeiro se vencer o Rennes neste sábado.

Fora de casa, o Lyon foi surpreendido pelo Nice, que figurava entre os últimos colocados. A equipe anfitriã abriu o placar logo aos 16 minutos, com Bagayoko, e contou com o gol contra de Vercoutre para fazer 2 a 0 ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, Hellebuyck e Remy marcaram antes que o brasileiro Ederson anotasse o gol de honra dos visitantes.

Já o Bordeaux, que conta com os brasileiros Fernando, Wendel e Jussiê, não deu bobeira diante do Le Mans. Com o adversário também brigando para deixar a zona de rebaixamento, o atual campeão fez 1 a 0 logo aos três minutos, graças ao gol contra de Ovono. No segundo tempo, Chamakh ampliou e Bellion marcou nos minutos finais para decretar a vitória em casa.

Ainda pela décima rodada, o Monaco contou com dois gols do brasileiro Nenê, ex-Santos e Palmeiras, para vencer o Boulogne por 3 a 1 e chegar à vice-liderança, com 21 pontos. O Valenciennes derrotou o Saint-Étienne por 2 a 0 e se aproximou dos líderes, enquanto o Sochaux superou o Lorient por 1 a 0 e o Nancy bateu o lanterna Grenoble por 1 a 0, provocando a décima derrota do último colocado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.