Bruno Oliveira/Fortaleza
Bruno Oliveira/Fortaleza

Mais confiante, Fortaleza visita o Grêmio para sonhar alto no Brasileirão

Atualmente, comandados de Rogério Ceni ocupam a 8ª colocação com 11 pontos, melhor campanha dos times do Nordeste

Redação, Estadão Conteúdo

13 de setembro de 2020 | 11h41

Embalado com a vitória por 1 a 0 sobre o Sport e com a melhor colocação entre os times do Nordeste, o Fortaleza tem apenas um desfalque para o duelo contra o Grêmio neste domingo, às 16h, na Arena do Grêmio, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Rogério Ceni não poderá contar com o volante Felipe, suspenso.

O treinador indicou já no duelo contra o Sport quem será o substituto. Ronald, que substituiu o próprio Felipe, é quem assumirá a função no meio de campo, junto de Juninho e Romarinho. O técnico deverá mexer o mínimo possível na equipe apostando no entrosamento e visando uma vaga no grupo da Copa Libertadores. No momento soma 11 pontos.

A principal esperança de gol da equipe segue sendo Wellington Paulista, autor do gol na vitória diante do Sport, numa cobrança de pênalti. O atacante deverá seguir no setor ofensivo ao lado de David e Osvaldo.

"Estamos caminhando bem, vencendo confrontos diretos, e isso acaba sendo importante para o campeonato que propusermos a fazer. Sabemos que o time do Grêmio é totalmente qualificado, um adversário duro de ser batido. Não será uma equipe que lutará contra o rebaixamento, mas hoje é nosso concorrente. Vamos tentar fazer o nosso papel", assegurou Rogério Ceni.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.