Matheus Pimenta/CSA
Matheus Pimenta/CSA

Mais leve após 1ª vitória, CSA tenta segurar o Atlético-MG em Belo Horizonte

O técnico Marcelo Cabo vai usar a mesma estratégia das partidas contra o Avaí e Internacional

Redação, Estadao Conteudo

02 de junho de 2019 | 14h33

Após cinco jogos na Série A, o CSA finalmente conseguiu tirar um peso ao faturar a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Bater o Goiás por 1 a 0 na última segunda-feira não foi importante apenas para ganhar posições, mas também para retomar a confiança do elenco. Neste domingo, às 19 horas, o espírito aguerrido do time vai ser importante para segurar o Atlético-MG, no Independência, em Belo Horizonte, pela sétima rodada.

Marcelo Cabo já traçou a estratégia para o jogo em Minas Gerais: congestionar o meio de campo com pelo menos cinco jogadores e usar o contra-ataque em velocidade, principalmente no segundo tempo. Foi essa a tática usada no empate por 0 a 0 com o Avaí, em Florianópolis, e na derrota magra para o Internacional, por 1 a 0, em Porto Alegre.

"Não podemos enfrentar o Atlético sem reforçar a marcação, porque é um time muito qualificado. Mas precisamos também jogar quando tivermos a bola nos pés", ressaltou o treinador.

Quem costuma crescer em grandes jogos é o goleiro Jordi, contratado há pouco mais de um mês. De acordo com as estatísticas, são pelo menos quatro defesas difíceis por partida. "É preciso enfatizar o trabalho da equipe. A gente está muito bem fechado aqui atrás. A nossa equipe joga por uma, duas ou três bolas", avaliou o jogador de 25 anos.

Com a estratégia defensiva do CSA definida, Madson deve ganhar mais uma oportunidade no time titular para congestionar o meio de campo. O atacante Maranhão está recuperado da lesão muscular e treinou normalmente, também buscando seu espaço. Na lateral-esquerda, Carlinhos ganhou de vez a vaga após a saída de Armero, dispensado por indisciplina. Ele já acertou para defender o Guarani na Série B.

Após a primeira vitória, o CSA chegou a seis pontos e pode deixar a zona de rebaixamento nesta rodada, mas para isso precisa vencer em Belo Horizonte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.