Mal-entendido tira Maicosuel de treinamento no Botafogo

Por alguns minutos, devido a uma falha de comunicação, um rebuliço e um mal-estar tomaram conta do Botafogo, nesta segunda-feira. O meia Maicosuel, barrado pelo técnico Oswaldo de Oliveira da equipe titular, não apareceu para o treino dos reservas no Engenhão. Tudo não passou de um mal-entendido.

AE, Agência Estado

18 de junho de 2012 | 20h17

Os responsáveis pela programação da viagem de volta de Porto Alegre, onde o clube alvinegro derrotou o Internacional, no último sábado, marcaram a passagem de Maicosuel para a manhã desta segunda, juntamente com os titulares e jogadores que atuaram mais de 45 minutos na partida. A reapresentação de todo o elenco vai ser nesta terça.

Os dirigentes conseguiram contato com o meia e esclareceram o ocorrido. Maicosuel, que jogou poucos minutos contra os colorados, entendeu que estava liberado para se reapresentar com o restante do grupo nesta terça.

A atividade desta segunda foi apenas para jogadores reservas e em recuperação de lesão. O atacante uruguaio Loco Abreu, que também foi barrado e sequer viajou para a capital gaúcha, compareceu ao treino.

Maicosuel e Elkeson perderam espaço no grupo com a ascensão de Vitor Júnior e Fellype Gabriel, respectivamente, e a diretoria cogita negociá-los para clubes do exterior. Tal decisão iria enfraquecer o elenco para a disputa desgastante do Campeonato Brasileiro. No próximo domingo, o Botafogo recebe a Ponte Preta, no Engenhão, pela sexta rodada do Brasileirão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.