Malcom passa a ter a ameaça de Lucca no ataque do Corinthians

Malcom passa a ter a ameaça de Lucca no ataque do Corinthians

Atacante está pressionado por Lucca

O Estado de S.Paulo

07 de outubro de 2015 | 07h00

Malcom está sob pressão no Corinthians. Agora, quem ameaça a vaga do garoto é Lucca, recém-contratado do Criciúma. Malcom não tem feito bons jogos e, em contrapartida, Tite tem elogiado Lucca sempre que o atacante entra no segundo tempo.

Malcom chegou a perder o seu lugar no time para Rildo, mas ficou apenas três minutos no banco. Foi esse o tempo que o companheiro jogou contra o Joinville até sofrer uma luxação um ombro esquerdo. Rildo precisou operado e só deve voltar a jogar em novembro.

O garoto, 18 anos, subiu para o time profissional em 2014, com Mano Menezes. Em 63 jogos com a camisa do Corinthians, marcou apenas sete gols. Essa, inclusive, é uma das críticas de Tite a ele. Para o treinador, falta ao atacante ser mais incisivo quando tiver a bola nos pés.

O Corinthians tem 50 gols no Campeonato Brasileiro. É o segundo melhor ataque da competição, atrás do Atlético-MG, que balançou as redes 51 vezes. Nesta reta final do campeonato, Tite luta para o ataque não perder fôlego e prejudicar o rendimento da equipe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.