Matteo Bazi / EFE
Matteo Bazi / EFE

Maldini garante que renovação de Ibrahimovic é uma prioridade para o Milan

Diretor e ídolo do clube garante que não há intenção em perder o atacante sueco, apesar das dificuldades financeiras do time italiano

Redação, Estadão Conteúdo

25 de agosto de 2020 | 12h37

Diretor do Milan, o ex-zagueiro e capitão Paolo Maldini assegurou nesta terça-feira que manter o centroavante sueco Zlatan Ibrahimovic no elenco continua sendo uma prioridade para a próxima temporada, embora destaque que o clube italiano tem recursos "limitados" para esta janela de transferências do verão europeu. Mino Raiola, empresário do jogador, já afirmou há alguns dias que o problema não era dinheiro, "mas sim as convicções".

Em entrevista coletiva por videoconferência, Maldini disse que as negociações para uma renovação de contrato do sueco continuam. Ibrahimovic foi uma aposta da direção do Milan em janeiro passado, tendo assinado apenas até o final desta temporada.

"Estamos trabalhando duro para chegar a um acordo. A temporada (2020/2021) começa daqui a 20 dias, sabemos que temos pouco tempo para preparar as coisas. Por isso queremos chegar a um acordo em breve. Será normal ter um plano B, C ou D, mas temos prioridades e Ibrahimovic é uma delas", comentou o diretor, ídolo do clube por ter jogado por somente no Milan em toda a sua carreira de 1984 a 2009.

De acordo com as notícias mais recentes na Itália, falta chegar a um acordo quanto ao salário de Ibrahimovic. O clube propôs seis milhões de euros (quase R$ 40 milhões na cotação atual) por temporada, enquanto que o jogador pretende receber sete milhões (R$ 46,6 milhões).

Além da questão com Ibrahimovic, Maldini informou que o Milan segue na busca por reforços, mas garante calma e inteligência para isso. "Na temporada passada lançamos bases para um novo Milan e chegaram, apesar disso, nove jogadores. Este ano as contratações serão cirúrgicas. Não queremos iludir os torcedores, não temos capacidade para responder como no ano passado. Mas estamos atentos (ao mercado)", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolMilanMaldiniIbrahimovic

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.