Maldonado, invicto contra o Santos

Depois de ficar 30 dias sem jogar em função de uma lesão no joelho direito, o volante Maldonado retorna neste sábado ao time do Cruzeiro com dois sentimentos em relação ao adversário: um misto de confiança e "incômodo". O chileno garante que, contra o Santos, detém um retrospecto bastante favorável. Enquanto esteve em campo, nos três anos que defendeu o São Paulo, Maldonado afirma que nunca perdeu para o time da Vila. Sua estréia com a camisa do Cruzeiro foi justamente contra o time de Emerson Leão, na vitória por 2 a 0, na Baixada Santista, em jogo válido pelo primeiro turno da competição nacional.Por outro lado, o volante ainda não engoliu o fato de o São Paulo - que havia se classificado em primeiro lugar - ter sido eliminado pelos garotos do Peixe (que se classificaram em oitavo) nas quartas-de-final do Brasileirão do ano passado. Maldonado diz que não participou dos jogos eliminatórios porque havia machucado o joelho direito durante um treinamento. "Ficamos fora do Brasileiro com 10 pontos acima deles", lembra o chileno, de 23 anos. "O trabalho foi todo embora por causa do mata-mata. Incomoda bastante", lamenta.O jogador acredita que o Cruzeiro, como vem acontecendo neste campeonato, tem tudo para fazer prevalecer o mando de campo, com o apoio de sua torcida. Segundo ele, qualquer adversário sente a pressão de um Mineirão lotado. Como os dois times possuem vários jogadores rápidos e habilidosos, Maldonado avalia que os contra-ataques poderão ser mortais. Por isso prevê que o time que dominar o meio-campo sairá vencedor."Reestréia" - A volta do chileno ao time celeste - que o próprio Maldonado classifica como uma "reestréia" - foi confirmada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo no coletivo da última quarta-feira. Ele entra no lugar de Felipe Melo.Luxemburgo, que além de técnico é seu futuro sogro - Maldonado é noivo da filha mais nova do treinador, Vanusa -, destacou as qualidades do volante ao justificar sua escolha. "O Maldonado dá mais qualidade técnica ao time. Ele tem um passe preciso, a bola sai mais redonda. Ele está garantido no sábado", analisou.Contusões - Desde que chegou à Toca da Raposa, em abril deste ano, Maldonado já entrou em campo 14 vezes, sendo 13 pelo Brasileirão e uma pela Copa Sul-Americana. Acumula neste período três contusões no joelho direito. O volante afirma que desta vez está 100% recuperado e acredita que não terá problemas no decorrer da partida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.