Mauricio Dueñas/EFE
Mauricio Dueñas/EFE

Manchester City aceitou a proposta corintiana por Tevez, diz técnico

Clube do Parque São Jorge está muito perto de anunciar o retorno do atacante argentino

AE, Agência Estado

18 de julho de 2011 | 08h39

VANCOUVER - O Corinthians está próximo de oficializar o retorno de um dos principais ídolos da sua história recente. Nesta segunda-feira, o técnico Roberto Mancini revelou que o Manchester City aceitou a proposta feita pelo clube paulista para contratar o atacante Carlitos Tevez.

O jogador argentino tem contrato por mais três temporadas com o Manchester City, mas declarou no início deste mês que tinha a intenção de deixar a equipe da primeira divisão inglesa. Porém, a saída de Tevez do clube e a sua contratação pelo Corinthians ainda não foram oficializadas.

Diante do desinteresse de Tevez em permanecer no Manchester City, o Corinthians apresentou proposta pela contratação do jogador na semana passada. O clube inglês, porém, rejeitou a oferta inicial de 40 milhões de euros. Diante da recusa inicial, a equipe do Parque São Jorge reformulou a sua proposta, mas sem alterar o valor oferecido, de acordo com seus dirigentes.

A nova proposta, porém, agradou aos dirigentes do Manchester City, de acordo com o italiano Mancini. "Nós temos um acordo com o Corinthians", declarou, em entrevista ao canal britânico Sky Sports TV, reconhecendo que Tevez está próximo de acertar seu retorno ao futebol brasileiro.

Apesar disso, Mancini garantiu, sem revelar detalhes, que a transferência ainda não foi fechada. "Carlos ainda é um jogador do City", declarou o treinador italiano, ressaltando não saber se o atacante argentino já negocia os detalhes do seu contrato com o Corinthians, que precisa acelerar os trâmites legais do acordo, já que a janela de transferências internacionais para o futebol brasileiro se encerra na quarta-feira.

Tevez tem 27 anos e defendeu o Corinthians entre 2005 e 2006 após passagem de sucesso pelo Boca Juniors e faturou um título do Campeonato Brasileiro (2005). Depois, se transferiu para o futebol inglês onde defendeu o West Ham e o Manchester United antes de chegar ao City. Agora, está próximo de voltar a defender o clube paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.