Oli Scarff/AFP
Oli Scarff/AFP

Manchester City bate o Crystal Palace e alcança o Chelsea na liderança

Com grande atuação de David Silva, equipe faz 3 a 0 dentro de casa e chega aos mesmos 39 pontos do rival, que só joga segunda-feira

Estadão Conteúdo

20 de dezembro de 2014 | 13h05

O Manchester City sofreu mais do que esperava para derrotar o modesto Crystal Palace neste sábado. Depois de sofrer no primeiro tempo, o time contou com dois gols de David Silva e um de Yaya Touré na segunda etapa para vencer por 3 a 0 e alcançar o Chelsea na tabela do Campeonato Inglês.

Os dois times somam 39 pontos cada, mas o time londrino segue na ponta pelos critérios de desempate e ainda jogará nesta rodada. Já o Crystal Palace, que tentou aprontar uma surpresa no Etihad Stadium, ocupa a 16ª colocação da tabela, com apenas 15 pontos.

Com seguidos problemas de lesão, o técnico Manuel Pellegrini teve problemas para escalar o ataque do Manchester City. Sem Dzeko, Agüero e Jovetic, todos machucados, o treinador adiantou o meia Milner, que fez a função de centroavante.

A falta de atacantes de ofício fez a diferença no primeiro tempo. Os donos da casa pressionavam bastante, cercavam a área do Crystal Palace, mas finalizavam pouco. Os visitantes se seguravam como podiam na defesa e conseguiram sustentar o placar inalterado até o intervalo.

Mas não resistiram no início da segunda etapa. Aos 3 minutos, em jogada que contou com a participação de Fernandinho, David Silva recebeu passe de Zabaleta e finalizou para as redes. Aos 15, o espanhol completou cruzamento da esquerda e só desviou para o gol.

Com a vantagem estabelecida no placar e a vitória encaminhada, o City ainda marcou mais um, aos 35, em rápido contra-ataque. Touré recebeu pela esquerda e encheu pé em chute cruzado para anotar o terceiro dos anfitriões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.