Rui Vieira/AP
Rui Vieira/AP

City para no Aston Villa, fica no 0 a 0 e pode perder a ponta

Equipe pode deixar Arsenal tomar 1ª colocação no Inglês

Estadão Conteúdo

08 de novembro de 2015 | 13h33

No duelo do líder contra o lanterna do Campeonato Inglês, não deu a lógica. Mesmo muito melhor tecnicamente e em busca de se isolar na ponta, o Manchester City parou na retranca do Aston Villa neste domingo, fora de casa. Diante de um valente adversário, os visitantes não conseguiram marcar e tiveram que se contentar com um empate por 0 a 0.

O resultado levou o City a 26 pontos, apenas um à frente do Arsenal, que ainda atua neste domingo e pode chegar à liderança. Na próxima rodada, dia 21, o time de Manchester terá um difícil duelo com o Liverpool em casa. Já o Aston Villa chegou a cinco pontos, ainda na lanterna, e duela com o Everton também no dia 21.

Se em termos de classificação o resultado não foi dos melhores para o Aston Villa, na prática deve dar moral à equipe de Birmingham. Até porque a partida marcou a estreia de seu novo técnico, o francês Remi Garde, que conseguiu dar um padrão tático e uma organização maior a seus comandados.

Apesar disso, quem dominou o confronto foi o Manchester City. No primeiro tempo, Sterling e Kompany perderam ótimas chances. Mas foi na etapa final que a pressão aumentou. Em cobrança de falta, Kolarov parou no goleiro Guzan.

O goleiro norte-americano, aliás, se tornaria o herói do empate ao defender de forma incrível uma cabeçada à queima-roupa de Sterling. Já nos acréscimos, o City perdeu sua última grande chance, quando Fernando subiu sozinho de cabeça e acertou o travessão. No rebote, Kompany tentou de fora da área e a bola raspou a trave.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.